Alinhado Com Sua Representação

Repartir faz parte da vida cristã; repartir amor, ajuda, revelação... portanto se alguém precisa de algo, devemos ajudá-lo a ter! Quando temos algo e vemos que o outro não tem, devemos repartir. Logo, se temos Jesus, também devemos reparti-Lo com o outro.

Só podemos repartir algo com alguém, quando temos algo para repartir; pois só quem tem pode repartir. E como é bom termos algo para repartir! Repartir acaba sendo tão bom quanto ter. Se repararmos nas crianças veremos que a maioria delas têm esse comportamento. E nós temos que ser como as crianças; e isso vale no sentido de inocência e no sentido de amar como Cristo disse e fez. Cristo sendo o pão da vida, repartiu-Se. É uma grande forma e vida cristã receber a revelação de todo o caminho, reconhecer, e poder fazer algo para/por alguém. Cristo não importou de dar-Se. Ele esvaiu-Se. Tudo o que Ele fez foi para que os Seus/nós tenha/tenhamos Vida Eterna.

Deus não é injusto. Deus Se deu para e por todos, mas, infelizmente alguns param pelo caminho. Muitos viram que Jesus é o caminho, mas pararam nisso. Não conseguiram ver até o fim do caminho. Não conseguiram seguir os passos de Jesus regressando à eternidade. Deus veio para eles e eles não viram. No livro de Hebreus no capítulo 6, do versículo 1 até o versículo 8 fala justamente de alguém que provou da Palavra mas não permaneceu com Ela.

Porém, a partir do verso 9 podemos ler sobre alguém que seguiu o caminho. Que agiu como deveria. Esse é o tipo que representa o eleito. É o tipo que nos representa. E não há ninguém mais fiel e dócil do que a nossa representação. Ela é verdadeira. É o positivo. A atitude de Noé provou que o que ele cria sucederia. A fé em nós nos mostra o sinal, e nos faz ter a certeza de que vale a pena seguir direto para a vida eterna.

Muitos não conseguem enxergar o caminho por inteiro, porque não receberam a revelação de que o caminho para a vida eterna não é seguir para frente. E sim, progredir em retorno ao princípio. Não entendem que temos que voltar ao que éramos originalmente, voltar para antes do pecado. Voltar para um reencontro com Cristo. Contudo, as pessoas que não enxergam isso, não são pessoas “ruins”. Apenas não receberam a revelação. Muitas pessoas lá fora são melhores que nós, podem ser até mais ricas; e no entanto Deus passou direto e veio até nós. Assim como Jesus passou direto pelos reis e foi até os magos. Assim como a Palavra passou direto das grandes catedrais e chegou a nós. Deus nos encontrou.

Nós temos uma promessa de ver Jesus novamente. E este é o que o nosso coração está desejando: vê-Lo face a face. Temos que nos sentir um povo especial; pois nem todos irão vê-Lo. Apenas aqueles que estão captando a visão, O verão. Nós estamos em busca de uma promessa! Queremos e devemos estar aqui convictos da nossa promessa!

Repartir faz parte da vida cristã; repartir amor, ajuda, revelação… portanto se alguém precisa de algo, devemos ajudá-lo a ter! Quando temos algo e vemos que o outro não tem, devemos repartir. Logo, se temos Jesus, também devemos reparti-Lo com o outro. Temos que ter o cuidado de servir, de nos preocuparmos com o que temos pois só podemos dar o aquilo que possuímos. Vemos isso em Pedro e João que não tinham ouro nem prata. Eles tinham Jesus.

Repartir, muitas vezes, é o mesmo que abençoar. E se sabemos que tudo quanto temos aqui na terra vai ficar aqui, não precisamos ser avarentos. Nós temos algo muito melhor do que as coisas dessa terra. Há uma promessa que é para nós. Assim tenhamos o gênero amável, que se compadece. “Rico é aquele que tem a Vida dentro de si”.

Deus não escolheu para Si atletas. Ele escolheu pessoas que estavam dentre os piores. Escolheu os incapacitados e os capacitou para tirar ‘a Fé’ da Palavra. E a fé é o sexto sentido. Ela é o sentido da alma. É ela que tem que governar todo o nosso corpo. Ela é algo da parte de Deus. A fé é o que traz a revelação. É ela que nos abre a visão. Para quem não tem revelação (fé), a vara de Moisés (a Palavra) não dá resultado. Nós temos a vara, a Palavra em nossas mãos; temos ela em nossas vidas. E o sexto sentido não tem medo. Ele está conectado com a Palavra. A fé não questiona a Deus. A fé age!

Satanás não respeita quem não usa a Palavra. Jesus Cristo O qual é Deus usou a Palavra. Alguém pode olhar para nós e não achar nada. E não temos que nos importarmos com isso. O importante é termos um coração predestinado à Vida Eterna. Temos que estar totalmente ligados com a Palavra. E devemos saber, com toda certeza, que Deus cuida de cada um enchendo da Palavra. Levando de volta ao princípio.

Nada pode tirar do predestinado a promessa viva. Quando a Palavra cai no terreno correto ela produz boas ações, boas palavras, bons desejos. Temos toda autoridade. O profeta disse que a cura sobre a enfermidade está sobre o nosso domínio. Nós temos a autoridade para irmos até satanás e requisitar as coisas que ele tocou/tomou. Pois a ‘Palavra’ é a melhor arma existente e a ‘revelação’ faz de nós os mais habilitados. Deus nos capacitou para sermos os melhores soldados.

Não temos que ter medo de satanás. O nosso Deus já derrotou ele. Deus tem nos revelado para onde vamos. Não tenhamos medo; Ele é fiel.

Min. Sérgio Lopes

Min. Sérgio Lopes


Deixe um Comentario

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *


Sobre nós

O Tabernáculo Belo Horizonte, uma congregação cristã, firma-se sobre as bases do Ministério Assim Está Escrito, edificado com a misericórdia e graça de Deus desde 1976, quando o pastor Wanderley Pereira Lemos começou esta tão grande obra nos pilares daquela mensagem, originada do nosso Senhor Jesus, na busca daqueles que O adorem em Espírito e verdade.


[email protected]

31 2513-0657



Newsletter


Categorias