A Palavra Em Vigor Hoje | Assim Está Escrito

Se há um povo nesta terra que pode se alegrar por sua salvação somos nós, os gentios. Portanto, alegremo-nos imensamente pela nossa salvação, predestinação e pelo alimento da hora que temos recebido dia após dia. Em Romanos 15:9-11, São Paulo nos fala sobre isso e nos mostra a importância do regozijo.

Escritura Bíblica: Romanos 15:1-13
Mensagens Citadas: Cinco Identificações Definidas Da Verdadeira Igreja Do Deus Vivo § 180 a 182; Shalom § 41

A Bíblia é um livro repleto de Escrituras vigentes. Embora muitas pessoas possam pensar que dentro dela há apenas histórias contadas que ocorreram no passado, não é desta forma. Não são histórias passadas, e sim, Escrituras vivas e eficazes que falam sobre nós: o povo de Deus. Desta forma, quando lermos experiências narradas em um tempo passado, iremos nos lembrar que Jesus Cristo é o mesmo ontem, hoje e eternamente. A Escritura jamais deixará de ser atual para o momento presente.

Em Romanos 15:5, o Apóstolo Paulo nos diz que devemos ter o mesmo sentimento uns para com os outros, como Jesus Cristo, O qual não viveu para Si, mas para cada um de nós. Se analisarmos, iremos ver que Jesus Cristo não teve nada, não teve onde nascer e nem mesmo onde reclinar Sua cabeça. E hoje nós podemos escolher até onde nossos filhos irão nascer, que tipo de roupa irão vestir… Nós temos inúmeros recursos para viver bem, porque Alguém (Jesus Cristo) nos proporcionou isso. Ele foi/é o nosso maior recurso.

O Senhor Jesus Cristo zela por Seus eleitos: Sua Noiva. Por isso, se ainda há misericórdia e recursos para este mundo e para as pessoas que não aceitaram a Jesus Cristo, é porque Sua Noiva ainda está aqui. E se ainda caem bênçãos sobre os injustos é por causa dos justos, a Noiva de Jesus Cristo. Assim, podemos dizer ao mundo que a misericórdia está em nós, ou seja, nós somos a misericórdia. E quando dizemos isso, não estamos nos colocando no lugar de Deus, mas Deus está colocando-Se dentro de nós.

No livro de Apocalipse, vemos que João chorou porque não havia ninguém digno que pudesse abrir o Livro e revelar os nomes que estavam ali, mas eis que veio o Cordeiro de Deus e abriu o Livro, dando-nos acesso a Ele. E se temos comido o suficiente do Livro, o Espírito Santo que há na Palavra tem o poder de nos transportar todos os dias para mais perto de Deus. Assim, muito em breve iremos partir, pois o rapto está às portas.

Se há um povo nesta terra que pode se alegrar por sua salvação somos nós, os gentios. Portanto, alegremo-nos imensamente pela nossa salvação, predestinação e pelo alimento da hora que temos recebido dia após dia. Em Romanos 15:9-11, São Paulo nos fala sobre isso e nos mostra a importância do regozijo.

A Revelação da Palavra está em nossas mãos. Logo, devemos prestar atenção em cada palavra que sai do púlpito e nos alimentarmos de cada Escritura. Ao fazermos isso, iremos absorver toda a revelação que está contida em cada sermão pregado pelo nosso profeta William Branham, pois é através disso que iremos nos fortalecer e nos tornar A própria Palavra.

Ao descer, ser sacrificado na Cruz e estender Seus braços, o Senhor Jesus Cristo disse: “Pai, tudo está consumado!”. Com isso Ele estava mostrando a cada um de nós que ‘tudo’ (a cura, a libertação, o perdão…) está concedido a nós. Este ato foi o “documento” de possessão que Ele nos deixou. Tudo isso é nosso! Por isso devemos falar para Satanás: “Jesus Cristo já me curou! Ele já me salvou!” Tudo o que necessitamos está dentro de nós. Nós já possuímos o que foi predestinado para ser nosso. E a Escritura se torna tão presente ao dizer que temos a cura, que somos a graça… Podemos usar a Escritura em Sua totalidade, provando que Ela jamais irá se tornar passada.

Na mensagem ‘A Deidade de Jesus Cristo’, o irmão Branham nos diz que a Deidade (a Plenitude de Deus) não está no Céu, mas em Seus filhos. E quem são esses Seus filhos? Um povo que tem o Espírito Santo. A Plenitude de Deus estava em Jesus Cristo, mas agora está em Sua Noiva, a mais amada que existe. E sabendo disso, a Noiva de Jesus Cristo deve se regozijar em todo o tempo.

O Senhor Jesus Cristo nos escolheu, assim devemos viver da melhor maneira que pudermos. Sejamos bons uns para com outros e cumpramos toda a Escritura. Vivamos em lugares celestiais, refletindo a Jesus Cristo.

Min. Sérgio Lopes

Min. Sérgio Lopes


Deixe um Comentario

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *


Sobre nós

O Tabernáculo Belo Horizonte, uma congregação cristã, firma-se sobre as bases do Ministério Assim Está Escrito, edificado com a misericórdia e graça de Deus desde 1976, quando o pastor Wanderley Pereira Lemos começou esta tão grande obra nos pilares daquela mensagem, originada do nosso Senhor Jesus, na busca daqueles que O adorem em Espírito e verdade.


[email protected]

31 2513-0657



Newsletter


Categorias