Deus Não Aceita Casamento Sem Responsabilidade | Casamento João Marcos & Sara | Assim Está Escrito

O Senhor Jesus Cristo Se entregou e morreu por Sua igreja para que ela pudesse ser o que Ele desejou, por isso Ele a ama pelo que ela é, e não a troca por ninguém. Sendo assim, não existe casamento sem compromisso e responsabilidade, como também não existe um cristão que vem ver o culto como se fosse um teatro. Ele vai ao culto para fazê-lo acontecer, e isso é uma responsabilidade. O marido dá à esposa um novo nome, e qualquer novo nome que não venha do marido é considerado uma adulteração. O marido torna a mulher em esposa, e ela o torna marido. Qualquer outra mulher o transformaria em um traidor a outro homem, e isso tem muito significado. E sendo cristãos, nós não podemos deixar que as coisas significativas de Deus na nossa vida percam sua essência.

Leitura Bíblica: Efésios 5:22-33
Mensagem Citada: As Sete Eras Da Igreja: A Era Da Igreja De Filadélfia, P.264 e 265

Na Escritura de Efésios 5:24 (“De sorte que, assim como a igreja está sujeita a Cristo, assim também as mulheres sejam em tudo sujeitas a seus maridos.”), ao tomarmos a expressão ‘assim como’, vemos que não existe igreja sem a existência de Jesus Cristo. Ou seja, não há sentido na ‘igreja’ sem Jesus Cristo. De igual forma, não há sentido no casamento e/ou noiva sem o marido.

Estamos vivendo nos dias em que as responsabilidades têm sido deixadas de lado. As famílias têm sido esquecidas por causa de “obrigações”, carências criadas por nós. Todavia, não existe casamento sem responsabilidade.

Na mensagem ‘As Sete Eras Da Igreja: A Era Da Igreja De Filadélfia’, o profeta William Branham toma a escritura de Isaías 22:22 (“E porei a chave da casa de Davi sobre o seu ombro, e abrirá, e ninguém fechará; e fechará, e ninguém abrirá.’), e diz: “Mas o que esta chave significa? A resposta encontra-se na POSIÇÃO da chave. Ela NÃO está em Sua mão. Ela não está pendurada em Seu pescoço. Não está colocada nas mãos de outros homens, ou o versículo não poderia estar dizendo que SOMENTE ELE TEM O USO DESSA CHAVE _ PORQUE SOMENTE ELE ABRE E FECHA, E NINGUÉM tem esse direito senão o Próprio Jesus. Não é isso correto? Mas onde está a chave? ESTÁ SOBRE O SEU OMBRO.” É por isso que vemos muitos homens que não abrem e nem fecham nada dentro de suas casas, porque não carregam sua chave no ombro. Essa chave representa a responsabilidade que foi dada a ele.

Em Isaías 4:1, vemos sete mulheres desejando apenas obter o nome do homem, pois era um opróbrio para uma mulher não se casar. A Escritura diz que elas cuidariam de si mesmas, ou seja, o homem não teria que ter responsabilidade para com elas, e isso tirava/tira do casamento a responsabilidade e a identificação com Jesus Cristo.

Quando uma noiva se casa, ela recebe o nome do marido. Mas ela não recebe só o nome, ela recebe também o ‘título’ de esposa. De igual forma, quando a igreja se casa com Jesus Cristo, ela recebe um novo nome, o nome de Jesus Cristo. Ela também recebe o novo nascimento, porque Ele a lava e santifica para apresentá-la para Ele mesmo. Mas, por quê? Porque Ele tem requisitos que ela não se enquadra. Então, Jesus Cristo dá à igreja os requisitos que ela necessita para que ela seja recebida por Ele. Após isso, o primeiro nascimento dela nunca mais é lembrado. E a partir de então, ela só é vista como sendo perfeita, tendo tudo o que Ele necessita.

O Senhor Jesus Cristo Se entregou e morreu por Sua igreja para que ela pudesse ser o que Ele desejou, por isso Ele a ama pelo que ela é, e não a troca por ninguém. Sendo assim, não existe casamento sem compromisso e responsabilidade, como também não existe um cristão que vem ver o culto como se fosse um teatro. Ele vai ao culto para fazê-lo acontecer, e isso é uma responsabilidade.
O marido dá à esposa um novo nome, e qualquer novo nome que não venha do marido é considerado uma adulteração. O marido torna a mulher em esposa, e ela o torna marido. Qualquer outra mulher o transformaria em um traidor a outro homem, e isso tem muito significado. E sendo cristãos, nós não podemos deixar que as coisas significativas de Deus na nossa vida percam sua essência.

Compreendamos também que, não existe nenhuma outra mulher no mundo que possa trazer algo de bom para o nome de um homem além da sua esposa. Qualquer outra aproximação manchará o seu nome e fará com que ele perca completamente o sentido que recebeu no altar de Deus, no dia do casamento.

O nome do Senhor Jesus Cristo em nossas vidas vale mais do que nos fazer ser conhecidos como ‘evangélicos’. Somos a Esposa do Cordeiro, herdeiros da eternidade. Temos o direito de tudo o que Ele é, e tudo o que Ele é, nós somos. E todo o poder d’Ele é nosso para usar.

Pr. Wanderley Vilaça

Pr. Wanderley Vilaça

Aos 21 anos se tornou líder dos jovens e também começou a pregar em praças públicas o que lhe trouxe muita experiência e amor por almas; posteriormente começou a prestar assistência às nossas congregações; em 2002 foi chamado pelo pastor Wanderley Lemos para integrar o corpo de ministros; no ano de 2011 foi consagrado a pastor; logo em seguida assumiu a igreja de Ouro Branco e desde então a vice-presidência do Tabernáculo Belo Horizonte.


Deixe um Comentario

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *


Sobre nós

O Tabernáculo Belo Horizonte, uma congregação cristã, firma-se sobre as bases do Ministério Assim Está Escrito, edificado com a misericórdia e graça de Deus desde 1976, quando o pastor Wanderley Pereira Lemos começou esta tão grande obra nos pilares daquela mensagem, originada do nosso Senhor Jesus, na busca daqueles que O adorem em Espírito e verdade.


[email protected]

31 2513-0657



Newsletter


Categorias