Gordura Faz Mal?

oil-4482643_1920
Percebe-se que cortar totalmente a gordura da dieta pode ser um “tiro no pé”, já que sem gordura não se vive. Por outro lado, o consumo excessivo de lipídeos pode estar diretamente relacionado às doenças cardiovasculares.

Depende!

Para entender essa resposta, primeiramente você deve compreender o que são óleos e gorduras e também as suas funções.

Os lipídeos (óleos e gorduras) são substâncias de origem animal ou vegetal, insolúveis em água, formadas em sua maior parte por moléculas de ácidos graxos. Normalmente os óleos ficam líquidos em temperatura ambiente enquanto as gorduras ficam sólidas.

Os ácidos graxos e outros elementos gordurosos desempenham papéis essenciais no corpo humano, seja compondo as membranas das células, participando da produção dos hormônios e dos sais biliares (sais digestivos), atuando como fonte de energia para o corpo, transportando as vitaminas A, D, E, K ou servindo como proteção térmica sob a pele.

Logo, percebe-se que cortar totalmente a gordura da dieta pode ser um “tiro no pé”, já que sem gordura não se vive. Por outro lado, o consumo excessivo de lipídeos pode estar diretamente relacionado às doenças cardiovasculares.

Os ácidos graxos podem ser classificados quanto ao grau de saturação

(número de ligações duplas em sua composição química):

  • Se o lipídio não tiver dupla ligação é identificado como saturado e possui estrutura mais rígida. Com certeza você conhece a fama da “gordura saturada”. Ela pode ser encontrada especialmente em: carne gorda, pele de frango, banha, bacon, toucinho, ovo, leite, manteiga, queijo, iogurte, requeijão, creme de leite, azeite de dendê, óleo de palma, coco e cacau.

A maioria desses alimentos contêm outros nutrientes muito importantes para a saúde. Contudo, independente do que o profissional A ou B declare na internet, estudos de primeiro grau em evidências científicas comprovam que consumo exagerado de gordura saturada aumenta o colesterol, causa endurecimento, inflamação e “entupimento” das artérias, colocando a saúde cardiovascular em alto risco, sobretudo em um mundo tão sedentário quanto o de hoje. A gordura saturada, na realidade, pode e deve ser consumida com moderação e com orientação profissional individualizada.

  • Monoinsaturado ou MUFA é o lipídio que contém somente uma dupla ligação e possui estrutura mais fluida. Estudos mostram que esses óleos ajudam a controlar o colesterol, a pressão arterial, o diabetes e a resistência corporal à insulina.

 O azeite de oliva extra virgem, o açaí puro, o abacate puro, as castanhas e as nozes são grandes fontes de MUFA. Mas, ainda que sejam alimentos benéficos, devem ser consumidos com bom senso.

  • Os óleos que apresentam mais de uma dupla ligação são nomeados poli-insaturados ou PUFA. Os famosos ômega 3 e ômega 6 fazem parte desse grupo.

O ômega 3 traz muitos benefícios à saúde como: redução da LDL oxidada (colesterol “ruim”); controle dos triglicerídeos; prevenção ao bloqueio das artérias; melhora do fluxo sanguíneo, da hipertensão, das funções cardíacas e cerebrais. As maiores fontes alimentares desse lipídio, como já vimos, são os peixes de águas geladas e profundas (Ex.: salmão, atum, arenque e sardinha).

Atualmente existe uma grande variedade de suplementos ômega 3 no mercado, mas não se deixe enganar! A maioria das opções disponíveis é totalmente inadequada para o consumo, causando sérios problemas de saúde em longo prazo. O uso de ômega 3 deve ser individualizado, prescrito e acompanhado por nutricionista.

Quanto ao ômega 6, suas fontes principais são: os óleos de soja, de milho, de canola, de algodão, de borragem, de prímula, de cártamo, de sementes de abóbora, girassol e gergelim, as nozes, as amêndoas, as castanhas, as avelãs e o leite humano.

A alimentação da população moderna já inclui grande quantidade de ômega 6, principalmente de óleo de soja. Acontece que o excesso de ômega 6 também está relacionado a ocorrência de doenças cardiovasculares, além de doenças autoimunes e inflamatórias. Em compensação, quando consumido adequadamente e em equilíbrio com o ômega 3, o ômega 6 torna-se benéfico para o colesterol e para a saúde.

  • E a gordura trans? É declarada “inimiga oculta” por ser a gordura mais prejudicial à saúde, e se apresentar encoberta por outros nomes nos rótulos: “gordura vegetal hidrogenada”, “parcialmente hidrogenada”, “óleo vegetal hidrogenado” e “parcialmente hidrogenado”.

Essa gordura é criada através de um processo industrial que modifica a estrutura química das moléculas de óleos vegetais, tornando-as rígidas, com o objetivo de melhorar a consistência, sabor e vida útil de alguns produtos como: margarina, sorvetes, biscoitos em geral, biscoito recheado, tortas e pães de padaria, pipoca de microondas, batata e sanduíche de fast-food, coxinha, empada, salgadinho de pacote, embutidos e outros ultraprocessados.

Por ser tão maléfica, em 2019, a ANVISA decretou a extinção da gordura trans nas indústrias de alimentos até 2023. Entretanto, a inimiga oculta apenas vem sendo substituída por outro tipo de substância industrial – a gordura interesterificada.

Gordura faz mal?

Depende do tipo e da quantidade que você ingere. Todos os lipídios devem ser consumidos com equilíbrio, com exceção das gorduras trans e interesterificada (devem ser eliminadas da vida).

O princípio da moderação vale para todo tipo de alimento, pois essa sempre foi a base de uma alimentação saudável.

Se esse post foi útil para você, deixe seu comentário!

Que Deus continue abençoando os irmãos!

 

Mariana Macedo

Mariana Macedo

Sou Mariana V. T. Macedo, Nutricionista, (CRN9 - 11.884), formada e atuante na área clínica há quase 10 anos. Pós-graduada em Nutrição Clínica Funcional, Nutrição Esportiva e em constante evolução em todas as áreas da vida. Minha missão é ser uma agente transformadora da saúde e pensamento das pessoas, tendo em vista que um corpo saudável necessita de cuidados que vão muito além do peso, além de uma simples dieta e contagem de quilocalorias. Além da estética.


3 comentários

  • Avatar
    Robson Alexandrino

    17/07/2020 as 08:52

    Muito bom o artigo. Parabéns à toda a equipe assim esta escrito, muito esclarecedor importante para ficarmos atententos aos alimentos que estamos comendo.

    Comentar

  • Avatar
    Mariane Oliveira

    17/07/2020 as 09:33

    Texto bem esclarecedor e informativo. Mais um alerta para cuidarmos da saúde.
    Deus abençoe, Dr.Mariana e toda a equipe!

    Comentar

  • Avatar
    Lázaro Pimentel

    21/07/2020 as 09:44

    Muito esclarecedor, obrigado irmã Mariana e demais envolvidos.
    DEUS continue abençoando!

    Comentar

Deixe um Comentario

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *


Sobre nós

O Tabernáculo Belo Horizonte, uma congregação cristã, firma-se sobre as bases do Ministério Assim Está Escrito, edificado com a misericórdia e graça de Deus desde 1976, quando o pastor Wanderley Pereira Lemos começou esta tão grande obra nos pilares daquela mensagem, originada do nosso Senhor Jesus, na busca daqueles que O adorem em Espírito e verdade.


[email protected]

31 2513-0657



Newsletter


Categorias