O Que Realmente A Rainha De Sabá Viu Em Salomão? | Programa Assim Está Escrito | Ed. 317 | Assim Está Escrito

Salomão foi um homem com um Ministério de sabedoria e a rainha de Sabá viajou 3 meses pelo deserto para vê-lo, para certificar-se acerca do que tinha ouvido falar. E hoje é exatamente como disse o profeta, as pessoas estão diante de Um que é maior do que Salomão, porém elas não atravessam a rua para ir à igreja. Naqueles dias Ele estava ali e estava tentando chamar a atenção das pessoas, e não está Ele hoje, na nossa era, batendo na porta para ver se alguém O ouve?

Leitura Bíblica: São Mateus 12: 42
Mensagens Lidas: Alimento Espiritual Para Seu Devido Tempo, P. 30, 63; Provando Sua Palavra; O Homem Chamado Por Deus, P. 7.

O profeta William Branham nos mostra que João Batista foi treinado/capacitado por Deus por 30 anos e usado por 6 meses. O que nos mostra que ele teve um período pequeno de Ministério, mas embora Deus tenha o usado por pouco tempo, ele teve um Ministério grandioso. João Batista foi a ponte entre a Lei e a Graça. Ele foi o anjo que preparou o caminho do Senhor. Ele foi a voz que clamou no deserto e foi aquele que trouxe a vindicação de que a maior das Escrituras estava Se cumprindo naquele dia, quando ele pôde apresentar o Senhor Jesus Cristo e dizer: “Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo.” (São João 1: 29).

Às vezes, nós tentamos adiantar o cumprimento de determinadas promessas que são para os nossos dias. Como seria se durante esses 30 anos João tivesse pensado como muitas pessoas pensam hoje? Por certo ele iria indagar: “Será que Deus vai cumprir mesmo?” e se ele assim o pensasse, colocaria todo o Plano a perder, porque Deus tinha a hora exata que Ele deveria entrar em cena.

Com a Igreja de Jesus Cristo é exatamente da mesma forma. Nós não devemos ficar preocupados em fazer algo grande e até, quem sabe, adiantar o cumprimento de uma Escritura, porque o tempo certo virá e quando ele vier, estaremos no lugar exato para que se cumpra. A Igreja fará uma grande, rápida e poderosa Obra.

Todos os homens enviados de Deus tiveram seu momento de fazer o que Deus tinha que cumprir em suas vidas e também, tiveram um tempo em que não tinham nada, em relação aos seus Ministérios, o que fazer. Eles apenas mantiveram-se aguardando Deus cumprir Sua Palavra e quando surgiram (ministerialmente falando) eles foram exatamente a Palavra manifestada.

Quem estava ali, em São Mateus 12:42? Aquele que deu sabedoria a Salomão. Além de sabedoria, Salomão recebeu de Deus um reino, uma comissão e as pessoas o reconheceram por isso. No entanto, estava ali, diante daquelas pessoas, Aquele que havia dado todas essas coisas a Salomão e elas não estavam dando-Lhe atenção, elas não O acompanhavam. Elas não acreditavam em Sua Mensagem. Mas esta rainha do Sul, referida na Escritura já citada, ela apenas ouviu falar de Salomão e viajou com uma comitiva de camelos durante 3 meses pelo deserto, onde havia ladrões e salteadores. Ela correu os perigos que o lugar e que a viagem em si lhe ofereciam, mas ela foi ver a Salomão. E ali estava Um que é maior do que Salomão e uma geração não Lhe deu atenção. As pessoas nem sequer sabiam que o Filho de Deus estava na terra. Elas nem O conheciam. Até mesmo aqueles que esperavam a Vinda do Messias deixaram-No passar por alto. Mas, mesmo Ele não sendo recebido pelas pessoas como deveria, Ele era o Que era. Ele era o Grande ‘Eu Sou’, o Deus Todo Poderoso. O Verbo de Deus que criou todas as coisas, que sem Ele, nada do que foi feito se fez.

Quando o profeta foi pregar a mensagem ‘Alimento Espiritual Em Seu Devido Tempo’, ele tomou o capítulo 17 de I Reis e começou a explicar sobre Elias, um profeta vindicado de Deus, que manifestou a Palavra e que ainda sim, foi rejeitado por aqueles que ali estavam. E ali estava Acabe, um crente modernista, que misturou a Palavra de Deus com o paganismo e demais coisas. No parágrafo 30 dessa mesma mensagem, o profeta irmão Branham mostra que Elias não disse que choveria quando Deus dissesse, mas, sim, quando Elias dissesse que tal sucederia. Olhando de um certo ponto de vista, o fato dele dizer que não choveria até que ele dissesse, fez as pessoas acharem que era presunção de sua parte e esse é um dos motivos pelos quais as pessoas não reconheceram os profetas enviados e até mesmo o próprio Senhor Jesus Cristo. Mas há uma grande distinção entre presunção e ousadia. Existem pessoas que são presunçosas, elas avançam sem direção. Entretanto, existem outras pessoas que são comissionadas e essas, devem ter ousadia para executar sua comissão. E Elias era um profeta comissionado, mas as pessoas o viam como apenas Elias. Elas não conseguiram ver quem era Elias no seu momento de atuação. Por que as pessoas não perceberam Jesus Cristo cumprindo a Palavra, se Ele estava cumprindo toda a Palavra? O Senhor Jesus Cristo não foi reconhecido pelo motivo de a ocasião na qual Ele veio ter sido simples. Assim como fizeram com Elias, as pessoas julgaram-No como presunçoso por dizer: “Examinem as Escrituras, porque elas testificam de mim. Me digam em qual lugar que eu falhei em cumprir o que de mim estava escrito. Alguém pode me acusar de pecado?”. Porém, mesmo Ele tendo sido contundente ao dizê-lo, em Filipenses 2 diz que mesmo sendo em forma de Deus, Ele não teve por usurpação ser igual a Deus.

Salomão foi um homem com um Ministério de sabedoria e a rainha de Sabá viajou 3 meses pelo deserto para vê-lo, para certificar-se acerca do que tinha ouvido falar. E hoje é exatamente como disse o profeta, as pessoas estão diante de Um que é maior do que Salomão, porém elas não atravessam a rua para ir à igreja. Naqueles dias Ele estava ali e estava tentando chamar a atenção das pessoas, e não está Ele hoje, na nossa era, batendo na porta para ver se alguém O ouve?

Ministério

Ministério


Um comentário

  • Avatar
    Ione Lopes

    11/07/2020 as 09:17

    Mesmo depois de ouvir a mesma escritura por várias vezes, Deus tem o Seu in side para nós, em algum momento de meditação, Ele sempre me abre uma nova visão de um assunto necessário para nossa edificação! Aleluia! 🙏🙏

    Comentar

Deixe um Comentario

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *


Sobre nós

O Tabernáculo Belo Horizonte, uma congregação cristã, firma-se sobre as bases do Ministério Assim Está Escrito, edificado com a misericórdia e graça de Deus desde 1976, quando o pastor Wanderley Pereira Lemos começou esta tão grande obra nos pilares daquela mensagem, originada do nosso Senhor Jesus, na busca daqueles que O adorem em Espírito e verdade.


[email protected]

31 2513-0657



Newsletter


Categorias