História

Menu

Culto Online Web Rádio

O INÍCIO

Em julho de 1976 chegava em Betim, Minas Gerais, o Pastor Wanderley Pereira Lemos com sua esposa Marly e seus três filhos, onde encontraram com mais ou menos quinze irmãos já batizados na Mensagem. Foram recebidos especialmente pelos Irmãos José Couto (Hoje Pastor em Betim) e José Saraiva (Diácono), pioneiros da Obra de Deus lutando e colaborando no desenvolvimento da Igreja.

Começamos num salão com pouco menos de 30 metros quadrados, mas devido ao grande numero de pessoas que iam e eram batizadas em nome de Jesus, foi necessário virmos para Belo Horizonte em busca de um local mais central para beneficiar a todos.

A MUDANÇA PARA UM NOVO LOCAL

Foi em agosto de 1977 quando já éramos cerca de 400 membros que necessitamos sair de um velho galpão (ex- oficina mecânica) na Rua Varginha para um outro prédio maior na Rua Sete Lagoas, e a cada ano que passava Deus acrescentava à nossa igreja os eleitos que iam recebendo a Mensagem, e nestes, diáconos, ministros e membros do corpo de Cristo. Quanta luta, quantas lágrimas, quantos ataques do inimigo. Mas, diante de todas as ocasiões Deus nos fez triunfar! E durante de vinte e cinco anos pagamos aluguel e lutamos para de alguma forma para termos nosso próprio edifício.

A CONSTRUÇÃO DO TABERNÁCULO BELO HORIZONTE

Com muita luta adquirimos um terreno que para muitos era impróprio, principalmente devido a sua topografia muito acidentada; razão pela qual teríamos de investir um alto custo apenas para desaterrar e preparar o terreno. Por vários anos tentamos dar inicio à construção do Tabernáculo.


“Numa noite, Deus me deu um sonho muito real: Encontrei-me na parte mais alta do terreno, que na ocasião era um matagal. No sonho, eu estava no meio desse matagal e havia uma erosão de aproximadamente três metros de profundidade e havia toda espécie de lixo nas encostas. Fugindo desse lugar, assustado, deparei-me com uma construção de bloco de concreto, sem telhado, sem janelas e apenas com uma pequena abertura de um lado. Saíram de dentro da construção por esta abertura, alguns homens pigmeus vestidos como extraterrestres e me disseram: “O que fazes aqui?” Ao que respondi: “Esse terreno é nosso”! “Nosso de quem?” Eu disse: “Da Igreja!” Nós vamos construir um Templo aqui. Um deles, apontando o dedo para baixo, disse: “Aqui?! Isto aqui é nosso há muito tempo. Aqui você nunca construirá.” Despertei e fiquei muito impressionado com a clareza do sonho. No domingo seguinte contei à Igreja na ocasião da Escola Dominical e disse-lhe: “Além das dificuldades naturais do terreno e da localidade, nós enfrentaremos muitas dificuldades para realizar o projeto de termos nossa própria casa de Adoração”. Daí a algum tempo, ficamos sabendo que em cima do terreno havia um reduto de encontros clandestinos de casais; também era reduto de encontros homossexuais e viciados em droga. Tentamos dar início à obra várias vezes, mas não conseguimos. Chegamos ao ponto de, com uma economia equivalente a R$ 240.000,00 (duzentos e quarenta mil reais) desterrarmos parte do lote, construirmos um muro de arrimo de centenas de metros cúbicos de concreto e ferragens, mas numa manhã o barranco cedeu e perdemos tudo. Tivemos que iniciar um novo projeto para a construção. Deus nos deu na Igreja de Belo Horizonte: um povo operário, pobre, mas fiel e persistente. Um povo que nos animava dizendo: “Nós vamos conseguir!” E sempre quando íamos orar, lembrávamo-nos dos pigmeus do sonho e de suas palavras. Clamávamos: “Senhor, olha para a nossa causa, e para os nossos motivos e objetivos!” Para resumir, aqueles que já visitaram a nossa Igreja erguida neste mesmo local e conheciam o lote acidentado de antes, podem testemunhar o tamanho da nossa vitória contra o diabo e seus anjos.”

Pr. Wanderley Lemos


A INAUGURAÇÃO

Inauguramos o Tabernáculo em fevereiro de 2002, numa grande festa com a presença do irmão Pierre Green, de Tucson, USA e Ministros de vários outros Países e de outros Estados do Brasil. Hoje nos regozijamos pela nossa casa própria, fruto da dedicação, fidelidade, lealdade e amor à Obra, do povo que Deus. Hoje o Tabernáculo é a prova viva de que quando o povo de Deus se une com um proposito, não a nada que os detenha. Toda honra, louvor e glória ao Único e Verdadeiro Deus, o Senhor Jesus Cristo.