A Grande Mensagem da Nuvem | Programa Assim Está Escrito 192 | 15/09/2017

Menu

Culto Online Web Rádio

A Grande Mensagem da Nuvem | Programa Assim Está Escrito 192 | 15/09/2017

Leitura Bíblica: São Marcos 9, 2
Mensagens Estudadas: Cristo é o Mistério de Deus Revelado, Qual é a Atração Sobre a Montanha, Sobrenatural 6
Mensagens citadas: A Brecha, Senhores é Este o Tempo?, Véu Adentro, Sétimo Selo, Quarto Selo, Quinto Selo, Sexto Selo, Sétimo Selo

A grande importância da escritura está aqui: ‘a Ele ouvi.’ Ouça-O, dê atenção a Ele exclusivamente. É uma coisa que Deus está buscando em Seu povo e sempre buscou. As pessoas se encontram em confusão com a nuvem ainda hoje. Há muitas igrejas que não receberam a revelação de toda a Palavra, possuem a foto da nuvem na igreja, mas as pessoas não sabem o que Aquilo significa. Como uma pessoa que possui uma foto como da nuvem e não sabe o que significa? Outros chamam de “nuvinha”. Nuvem sem significado se torna uma “nuvinha”. Também não se trata de girar a foto geograficamente falando, mas a compreensão do que Aquilo significava. Colocá-la no foco correto. Para chamar de “nuvinha” a pessoa necessita desconsiderar a história. Os aviões voam a 13 quilômetros do chão e aquela nuvem estava a 42 quilômetros, ou seja, sem possibilidade de existência de nuvem. Tinha 48 quilômetros de extensão e podia ser vista de 450 quilômetros de distância. “Nuvinha”? É algo sem significado? Se a pessoa sabe o que significa aquela nuvem, o que foi falado a respeito, ela vai reverenciar, vai se humilhar diante do que foi dito. Depois do calvário, esta nuvem foi um grande acontecimento da igreja. Não é idolatria da nuvem, aquilo foi sete anjos. O profeta irmão Branham, fazendo referência àquela nuvem, pergunta: qual é aquela atração? ‘É Deus cumprindo Sua Palavra.’ Quando uma pessoa afirma para não lê os Selos, ela diz para não ouví-Lo. Mas, Deus diz ‘a Ele ouvi’. Tentar anulá-Lo é impossível, mas tentam. E conseguem anular para algumas pessoas. Daí se observa a necessidade de separar-se. Quando se está diante do cumprimento de uma visão, é um dos maiores acontecimentos para um cristão. São muitos detalhes para serem ignorados. Deus não é um produtor de cinema para ficar procurando coisinhas, fazendo um desenho animado realista. Deus é um Ser Sobrenatural que não se ocupa com coisa insignificantes. Detalhes combinando-se escrituristicamente. Cada vez que Deus falou houve explosão, trovão: revelações que foram dadas. Lendo o livro Sobrenatural 6: ‘Constelação de anjos, seres poderosos vestidos com armadura branca.’ Se ficasse apenas no acontecimento da nuvem, não teria uma voz, mas, apenas um ato, um ato sobrenatural. A questão é que o profeta volta para Jeffersonville (como é pedido na aparição da nuvem). Esta nuvem tinha uma voz que só foi proferida uns dias depois que aparece. Foi o cumprimento de visão, chamando a atenção para a voz, para o que vai ser dito. O profeta diz que naquela semana ninguém o tocou, ninguém o cumprimentou. Ele ficou sozinho, um arrebatamento, um particular de Deus. O ambiente ao redor do profeta se tornou sobrenatural. No Sétimo Selo o profeta começa a falar da nuvem, a espada do Rei em sua mão, mesmo que por parábolas, direcionando na própria Bíblia. O Sétimo Selo estava em ação antes mesmo daquela semana da aparição da nuvem. Voz oculta: estes acontecimentos tinha uma voz que só se escuta com percepção profética, e não com ouvidos naturalmente falando. O Sétimo Selo tinha uma voz sem fonética. E quando o profeta fala com fonética, é mistério.