Olhe, Não Perca o Foco | Programa Assim Está Escrito 202 | 24/11/2017

Menu

Culto Online Web Rádio

Olhe, Não Perca o Foco | Programa Assim Está Escrito 202 | 24/11/2017

Leitura Bíblica: Filipenses 3: 10 ao 17.

Mensagens citadas: O Deus imutável trabalhando de uma maneira inesperada e Olhe.

Quando alguém olha para um quadro com a sua visão desfocada, a imagem que ele vê não é exatamente a que está representada ali, assim qualquer coisa que for observada sem o devido ajuste de foco perderá a sua veracidade para quem vê, até mesmo Deus e a Sua Palavra. Isso é exatamente o que vem ocorrendo com o mundo, pois eles perderam a real imagem do que é Deus e do que significa Seu Evangelho e se transformaram em casas de associação, não olhando mais para as coisas sagradas como elas realmente são.
Deus é um ser supremo e, portanto, Ele tem um plano no qual está focado. Ele tem um projeto e seguirá cumprindo-o exatamente como deve ser, mesmo que o mundo não o perceba. Logo, Ele não chama qualquer um para executar Sua obra para dado momento, porque existe todo um planejamento e eleição para escolha de cada um de Seus mensageiros, desde Paulo até o Profeta William Marrion Branham. Quando alguém diz “olhe” é porque ele quer que alguém veja algo que ele já viu. O ministério do profeta era de apontar a Cristo. Até mesmo uma espécie de nervosismo que ele tinha foi um critério de Deus, porque aquilo faria com que ele não apontasse para nada que não fosse certamente o alvo. Quando o profeta diz que a terceira etapa é Jesus, que era o Sétimo Selo, ninguém pode discordar daquilo. Quando o profeta aponta para a Palavra revelada, em estado puro e sem adulterações, é porque é justamente Ela que nos trará poder de rapto. Ele chegou a afirmar várias vezes que plenitude da Palavra não se tornaria uma denominação, ele nos apontou o alvo que não se “desfoca”.
Se o irmão Branham tivesse aceitado uma margem de interpretação a mensagem hoje não seria o que ela é, porque todos os outros evangelistas deixaram entrar uma margem e viraram denominações. Os homens foram desalinhando a Palavra, e Deus precisava de um profeta para focar novamente a mira.
Individualmente, como cristãos, também temos um foco e um alvo, que é toda a Palavra do dia: o rapto, a eleição que nos coloca nele. Paulo tinha um alvo, e para alcançá-lo ele tinha de deixar as coisas que para trás ficam e continuar no rumo de sua soberana vocação sem desanimar e sem se acomodar. Muitas pessoas tentam viver vidas espirituais paradas e maquiadas, acomodando-se e não sendo como eram anteriormente, porém não ser o que era antes não é o que realmente importa, mas sim ser aquilo que eu tenho que ser, aquilo que me foi proposto por Deus para ser. Não estamos tratando do antigamente, do que éramos, mas do que devemos ser e de como devemos estar para chegar lá. Esquecer as coisas que para trás ficam é não se deixar atrair por nenhuma das distrações que se encontram na jornada. É permanecer mirando o alvo, seguindo a regra de Deus, crendo na Plenitude da Palavra.
Pecado é errar o alvo, e, quantas coisas estão aqui para nos tirar o foco? Devemos estar absolutamente focados, prontos a vencer o inimigo e permanecer na plataforma em expectativa, atentos ao trem, segurando firmemente o bilhete que nós permitirá o embarque; estar constantemente preparados.
As mensagens que são pregadas por pastores que estão focados devem se tornar mandamentos do Senhor, porque eles estão sendo extremamente fiéis a Palavra. Crer na mensagem é recebê-la, e aceitar ela te doutrinar e te governar.