Um Convite De Deus Para Irmos Além Do Véu | Programa Assim Está Escrito 177 | 02/06/2017

Menu

Culto Online Web Rádio

Um Convite De Deus Para Irmos Além Do Véu | Programa Assim Está Escrito 177 | 02/06/2017

Leitura Bíblica: Hebreus 10:19-22

Quando para João parecia que era o final, ele ouviu o convite do Senhor que dizia: Subi cá.
O que acontece hoje é que temos um véu rasgado, uma porta aberta e um livro aberto. Ainda assim, as pessoas rejeitam esse convite que não é opcional, mas vital, sendo que não basta somente entrar, mas permanecer.
O mesmo Deus que expulsou Adão e Eva do jardim e pôs um querubim com a espada na mão, para impedir que eles entrassem de volta, hoje tirou essa espada e passou a nos estimular e a nos forçar a entrar.
A Palavra está sendo repartida e as pessoas estão se recusando a comer, como na parábola da grande ceia. Não podemos ser como os fariseus, que chegam apenas até o segundo átrio, alimentam-se da mesma Palavra, mas não conseguem avançar. Comem do mesmo maná que mata a fome, mas perecem. Temos que avançar para termos vitória o tempo todo.
Ter o Espírito Santo é crer em toda a Palavra, sendo que crer é compreender e compreender é viver. Não é pelo fato de estar aberto que se entra de qualquer maneira, pois os requisitos permanecem os mesmos. Há muitos que creem, mas não ousam e ousar é tomar e beber.
Pessoas podem ser substituídas por se recusarem a entrar (como Vasti).
Fé cristã é baseada no descanso e, quando solidificamos nosso repouso, há descanso, mas pela dificuldade do caminho muitos desistem de chegar.
O segredo para entrar além do véu é morrer para si mesmo e, assim, viver em outra dimensão, no Santo dos Santos, com a cortina do véu fechada atrás de si.
Porque as pessoas são tão alvoroçadas? Temos a mensagem para nos ancorar, temos um véu rasgado, um livro aberto e uma porta aberta. Como não entrar?
Temos que ser guiados pelo coração e não pela mente.
Sempre estaremos ouvindo um pouco mais. Já entrou no Santo dos Santos? Então, abra a arca. Já abriu? Então, entre debaixo das asas entrelaçadas dos querubins.
Esta mensagem é o segredo de nossa vitória e de nossa permanência no terceiro átrio.