Nenhum comentário ainda

Um Brinde Nos Vasos Do Senhor

(…) “Depois de sua morte, Beltessazar, seu neto, o sucedeu. E, então, ele foi mais ímpio do que o rei Nabucodonozor. E uma noite, lá, eles tiveram uma enorme festa. Eles chamaram todos os seus magistrados e todos os oficiais, para uma grande farra. E enquanto eles estavam tendo esta farra eles, começaram a gritar e tomaram os vasos, os santos vasos de Deus; apenas para zombar, e beberem vinho para seus deuses, um brinde, nos vasos do Senhor.”  O Princípio e o Fim da Dispensação Gentia – P. 43

Isso é bem parecido com algumas festas de nossos dias… por isso não podemos pensar que o diabo se tornou um preguiçoso, pois ele vem trabalhando para encontrar formas para chamar atenção dos filhos de Deus. E o seu objetivo é fazer com que percamos o “foco” de para onde estamos indo. E quer que endireitemos a luneta para suas vãs imaginações. E quando fazemos isso, é possível dizer que já nos encontramos em problemas.

É fim de Ano. E este é o momento apropriado para o diabo tirar seus proveitos. Essa é a hora em que as grandes empresas aproveitam para fazer suas encantadoras confraternizações, e nos enviar convites como tentações; ele está tentando tirar os vasos do Senhor do templo, assim como Nabucodonosor fez. Nabucodonosor tirou os utensílios de “ouro” (vasos de maior valor, limpos e santos) do templo de Jerusalém e os levou para serem usados por Beltessazar em louvor/adoração à deuses estranhos. Assim, Beltessazar planejou sua festa com suas mulheres e concubinas, e depois de se embebedar, apoderado por um “espírito arrogante”, mandou que buscassem as taças de ouro da casa do Senhor, porque queria beber nelas, e contaminá-los com suas prostituições. E fez isso porque se sentiu insultado, irritado… incomodado, e quis mostrar que poderia tocar naquilo que era santo.

Não seríamos nós esses vasos? Nós somos os vasos do Senhor que o diabo está desejando. E ele está desejoso em nos ver em suas festas, e depois usar disso para zombar do nosso Deus e da nossa Fé. Satanás quer nos tirar da casa do Senhor para depois humilhá-Lo dizendo que Seus filhos são desobedientes, e gostam mais das festas de outros deuses. Eles (as pessoas mundanas) nos convidam para mais tarde escarnecerem de nós; para rir e zombar, como fizeram com Jesus na casa de Simão, que apenas o convidaram para desfazer d’Ele. Assim, o diabo quer que os santos se misturem com os ímpios para contaminar o templo do Senhor. Por isso mandou buscar os utensílios que eram consagrados. E sendo assim, não aproveitaria o diabo a oportunidade de mandar buscar os vasos do Senhor para a sua festa de Fim de Ano?

Aquela era uma festa que se identifica com o nosso tempo. Agora, se podemos nos enquadrar e trazer isso de forma real para os nossos dias, que sejamos realmente um vaso de Deus, onde, o mundo possa olhar para nós e ter sede de beber da Palavra, e não nos veja como tolos, sem sabedoria; pois quando o dedo de Deus apareceu escrevendo na parede, Beltessazar se viu em aperto e seus joelhos bateram um no outro. Ele estava em apuros, não teve chances. Assim, teve que se humilhar e se render diante da sabedoria do profeta Daniel, que, lhe mostrou o peso do seu pecado: “Pesado foste na balança e foi achado em falta”.

Sejamos pois assim, se mandarem seus convites esperemos chegar em seus momentos de aperto, para que possamos mostrar-lhes a sabedoria que têm os utensílios da casa do Senhor. E que assim, eles reconheçam a grandeza do nosso Deus, como aconteceu com os três jovens hebreus que ao entrarem na fornalha não se queimaram.

Os editos (decretos) continuam contra os vasos do Senhor. E assim sendo, deixemos que “nos coloquem em covas de leões”, pois somente assim conseguiremos sair desta “fornalha” (mundo) aquecida pelo diabo. E se deixarmos as festas deste mundo em breve ele, satanás, terá um brinde na taça da ira de Deus.

Redação Assim Está Escrito 

Postar um comentário: