O Caminho Para A Glorificação Passa Pela Crucificação | Assim Está Escrito

O motivo pelo qual estamos onde nos encontramos na caminhada e estarmos recebendo de Deus o que Ele nos tem dado, é a Sua Graça (um favor imerecido que recebemos de Deus) e Misericórdia! E quando recebemos e manifestamos isso, estamos no auge da vida cristã: “Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim;” (Gálatas 2:20).

Leitura Bíblica: São Lucas 9:23-27
Mensagens Citadas: Paulo, Um Prisioneiro De Cristo; Eu Sei

Todas as vezes que Jesus dizia algo, era com um propósito. Ao lermos as Escrituras, vemos que através de Suas palavras, Jesus dizia coisas maravilhosas e gloriosas ao nosso respeito. E para que as Escrituras fossem claras para nós, o próprio Espírito Santo as trouxe e revelou-as para nós. Mas, antes que cheguemos a este caminho de glorificação, precisamos passar pelo caminho da crucificação, o qual é negar a nós mesmos, deixar tudo o que é natural e seguir somente a Cristo. Portanto, a coisa principal para alcançarmos a Deus é renunciar o nosso ‘eu’ e aceitar segui-Lo.

A nossa caminhada cristã tem tido muitas lutas e provas, mas se chegamos até aqui, sabemos que não foi por nós mesmos e sim por Ele. Deus não exige e nem precisa de nossos méritos, qualidades e habilidades humanas. Entendamos que o que Deus requer de nós é renúncia.

O motivo pelo qual estamos onde nos encontramos na caminhada e estarmos recebendo de Deus o que Ele nos tem dado, é a Sua Graça (um favor imerecido que recebemos de Deus) e Misericórdia! E quando recebemos e manifestamos isso, estamos no auge da vida cristã: “Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim;” (Gálatas 2:20).

Quando esteve na prisão, o apóstolo Paulo entendeu, através do Espírito Santo, que não era um prisioneiro de Roma, mas de Jesus Cristo. Ao estar encarcerado, Paulo sabia que sua vida era guiada por Cristo e que havia um propósito para se cumprir e glorificar ao Senhor. Notamos que sua atitude foi/é um exemplo para nós, e é uma ‘chave’ gloriosa que podemos usar para vencer muitos problemas e situações difíceis. Todavia, precisamos nos conscientizar de que se estamos firmados na Palavra, independente de qual for a situação que estivermos passando, n’Ela há um propósito que irá glorificar ao nosso Deus.

É uma coisa normal para nossa vida natural humana que tenhamos ambições. Porém, quando somos guiados pelo Espírito Santo, seguimos, planejamos e fazemos apenas o que Ele nos ordena. Nós não podemos cumprir nossas próprias vontades, mas devemos renunciar todas elas, para que estejamos presos em Seu amor, presos na Palavra e seguindo um dos maiores exemplos que já recebemos: a vida vivida do nosso profeta.

Em sua experiência, no Canyon Sabino, Deus colocou na mão do irmão Branham a Espada do Rei, a qual tipifica a Palavra. Não há arma mais poderosa do que a Palavra! A Palavra é capaz de vencer todas as coisas! Compreendamos que Satanás não tem medo dos nossos atributos (força, conhecimentos, habilidades…), mas teme a Palavra, porque não pode ir contra Ela. Mas, onde a Palavra está agora? Está dentro de cada um de nós! E está debaixo da mesma unção que estava o profeta. Nós estamos vivendo neste tempo.

Todo filho de Deus tem que ser provado, e ele não se rebela por passar pelas provações. Ele apenas aceita e diz: “- Senhor, se é da Tua vontade, eis-me aqui, oh Pai! Se a Tua imagem precisa ser resplandecida, eis-me aqui!”. Da mesma forma que o ouro precisa ser provado e batido para refletir o seu brilho e seu real valor, o cristão também deve passar por uma trajetória de crucificação para chegar à glorificação.

Podemos ler na Bíblia que em todo o tempo o Senhor era com José. Ele foi um jovem que tinha sonhos, e em um de seus sonhos Deus o revelou que ele seria glorificado. Após isso, os dias foram passando e aquilo não se cumpriu. Do contrário, José foi jogado em uma vala e foi vendido por seus irmãos, todavia Deus o guiava e estava com ele.

No desenrolar de sua história, o tempo passou, e estando José já na casa de Potifar (em uma posição alta), passou por uma trama, foi acusado injustamente e preso por um crime que não havia cometido. E mesmo na prisão, Deus estava com ele. Toda a trajetória de sua vida foi traçada pelo Deus Altíssimo, e todas as etapas que José passou, Cristo estava Se manifestando através dele. Tudo o que acontecia na vida de José tinha um propósito, e na hora certa ele foi glorificado. É por isso José é o tipo perfeito de Cristo. Ele foi aperfeiçoado através de suas lutas e crucificado, porém foi glorificado!

Min. Fernando Alves

Min. Fernando Alves

Criado nesta Mensagem por seus pais desde a infância, sob os cuidados do Pastor Wanderley Lemos, o irmão Fernando Alves, desde a juventude, participou de trabalhos evangelísticos e cooperou junto à mocidade do Tabernáculo em Belo Horizonte ao lado do pastor Wanderley Vilaça que na época era o líder. Em 2012, foi chamado a ajudar na pregação da Palavra, inicialmente em assistência às congregações do Ministério Assim Está Escrito na região metropolitana de Belo Horizonte, até que, em maio de 2017, durante uma pregação de escola dominical, foi convocado a auxiliar diretamente no Ministério.


Deixe um Comentario

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *


Sobre nós

O Tabernáculo Belo Horizonte, uma congregação cristã, firma-se sobre as bases do Ministério Assim Está Escrito, edificado com a misericórdia e graça de Deus desde 1976, quando o pastor Wanderley Pereira Lemos começou esta tão grande obra nos pilares daquela mensagem, originada do nosso Senhor Jesus, na busca daqueles que O adorem em Espírito e verdade.


[email protected]

31 2513-0657



Newsletter


Categorias