Jesus Deseja Ser Acordado | Pr. Wanderley Vilaça | 04/08/2019

Leitura Bíblica: São Marcos 4:35-41

Mensagem Citada: Vá e Acorde Jesus

Em São Marcos 4, encontramos os discípulos enfrentando uma terrível tempestade no mesmo barco que Jesus estava “dormindo”. E durante a narrativa Bíblica dos fatos vamos percebendo que os discípulos perderam a consciência de quem era Jesus; pois estando eles no mesmo barco em que estava o ‘Criador’ da tempestade que os poderia matar, escolheram recorrer aos remos, ao invés de irem acordar a Jesus. Lemos que aquele foi um momento de total desespero. Desesperados e não se lembrando da grandeza d’Aquele que estava com eles, lutaram com suas forças para salvarem suas vidas; até que estando certos da morte lembraram de Jesus e O foram acordar. E quando foi acordado, Jesus perguntou-lhes: “Porque sois tão tímidos?”

O profeta nos diz que Deus nunca dorme. Portanto Jesus sendo Deus não estava dormindo. Ele estava esperando para ver o que os discípulos fariam, como reagiriam. E Sua pergunta para os discípulos nos mostra que eles mesmos podiam ter ‘ordenado calmaria sobre o mar’. E ao serem tímidos para usarem algo que estava totalmente ao dispor deles demonstraram falta de fé.

Portanto Jesus sendo Deus não estava dormindo. Ele estava esperando para ver o que os discípulos faria, como reagiriam. E Sua pergunta para os discípulos nos mostra que eles mesmos podiam ter ‘ordenado calmaria sobre o mar’. E ao serem tímidos para usarem algo que estava totalmente ao dispor deles demonstraram falta de fé.

E como os discípulos fizeram ao enfrentarem tempestade, nós também, muitas vezes demonstramos o mesmo problema. Somos extremamente negativos; ficando ansiosos, nervosos e preocupados com relação a algo que para Deus já está totalmente resolvido. Nós não estamos utilizando tudo o que foi colocado ao nosso dispor por Deus, e ao invés de fazermos o que precisamos estamos recorrendo ao nosso arrazoamento.

Em uma determinada ocasião o profeta foi orar por um bebê que estava deformado pelo câncer, e ao se deparar com a cena o profeta pensou: “Senhor, se Tu estivesses aqui, o que farias?”, e Deus respondeu-lhe: “Eu estou esperando para ver o que você irá fazer”. É exatamente este o ponto que devemos perceber em nossas vidas. A pregação da Palavra tem deixado tudo pronto, feito para nós; porém muitas vezes somos pessoas tão mórbidas espiritualmente que nem mesmo estamos dispostos a buscar aquilo que já está pronto.

Podemos perceber na maioria das mensagens do profeta William Branham que as pessoas se importavam demasiadamente com a cura física, ao ponto de pensarem que este era o motivo principal dos cultos do profeta. Porém, o profeta em uma de suas muitas pregações disse que o mais importante não é obter a cura física, mas, dedicar tempo para a cura das almas. E não foi assim só nos dias do profeta; foi assim também nos dias de Jesus; quando o povo se importava apenas com a sua cura. É por isso que o mais importante para a Igreja agora é: ‘reconhecer o que a Palavra está fazendo neste exato momento’.

E assim é com a Palavra hoje. Ela não está aqui apenas para trazer cura e resolver os nossos problemas naturais, até porque doenças e aflições são apenas sintomas dos problemas que temos em nossas vidas; e a Palavra não veio para tratar sintomas. A Palavra veio para tratar as causas dos problemas. São Marcos nos mostra isso ao lermos que quando Jesus foi acordado Ele não pegou os remos do barco para resolver o problema; Ele foi para a proa do barco e ordenou que o mar se acalmasse!

Não conseguir alcançar o arrebatamento é o maior medo de cada cristão, todavia Jesus veio através da Mensagem para resolver este medo de uma vez por todas. Quando cremos que essa mensagem é a única que pode preparar a Noiva de Cristo, e que Ela nos torna Deus em carne humana, então não existe nenhuma possibilidade de fracassarmos. Será que nós estamos sendo tímidos quanto a isso? Ou será que nos falta fé?

Nossa maior necessidade é acordar Jesus em nossas vidas. Jesus deseja ser acordado para que possa tomar o controle das situações em nossas vidas. Não podemos pensar que nunca passaremos por uma situação de desequilíbrio pois os “barcos” (corpos) dos eleitos também passam por muitas tempestades; porém são barcos que navegam com Jesus dentro de si. O nosso problema é que estamos quase morrendo na tempestade e ainda assim não falamos nada. Não pedimos ajuda, socorro. Somos nós que não percebemos que podemos e devemos acordar a Jesus.

Não é que um eleito não possa passar por tristezas, aflições, problemas e às vezes até sentir vontade de desistir; só que essas coisas não devem ser mantidas em nós. Cada um de nós tem o sangue de Jesus nas mãos, e a única maneira de não ter a culpa do sangue d’Ele é aceitando Jesus, e deixando Ele tomar a direção de nossas vidas.

Jesus certamente deve ser acordado em qualquer situação nas nossas vidas! Este nosso momento aqui consiste em descansar e esperar que a viagem seja finalizada. Deus já acalmou todas as tempestades para nós. Tudo o que precisamos fazer é acordá-Lo nas nossas vidas. Ele deseja que façamos isso!

Postar um comentário: